Quinta-feira, 5 de Junho de 2008

Turismo do mais curioso

 

   

 

Que dizem, pessoal? Dêem-me lá a vossa opinião... tudo bem que existe vida extraterreste, acho que seria uma tremenda fanfarronice da nossa parte acharmos que estamos sozinhos no enorme Universo... e que todo ele teria sido criado para só nós o habitarmos... mas acham que nos visitam? Aquelas imagens, fotografias de objectos ovais voadores, são credíveis?

Francamente, não sei porque me lembrei disto, agora.

Mas gostava de ter a experiência, oh lá se gostava! Já imaginaram? Estarem na rua ou no quarto e olharem pela janela e verem algo no céu!... Se bem que, na maioria das fotos que vejo, parece tudo um pouco forçado... mas quem sou eu para julgar o que os outros viram, ou que acham que viram?!

 

 

Até estes círculos são famosos por se acreditar que são feitos por extraterrestres... não duvido que os extraterrestres tenham uma mãozinha nisto, quer dizer, parecem-me demasiado perfeitos e gigantes para serem feitos por mão humana. E, de qualquer maneira, seria difícil terem sido feitos por humanos, porque, aparentemente, há neles grandes quantidades de radiação electramagnética, as hastes das plantas estão dobradas e não quebradas, plantas essas que sofrem de alterações biofísicas e os aparelhos eléctricos e magnéticos (como câmaras, bússulas, entre outros) não funcionam no interior dos círculos. (Vejam mais sobre isto aqui.)

Curioso, hein? Turismo do mais interessante, mesmo.

 

 

Que me dizem os meus leitores? Somos palco de visitas e olhares atentos por parte de seres alienígenas? Ou não passa tudo da nossa imaginação e da vontade de vermos algo naquilo que não o é?!

sinto-me: interessada!
Sábado, 8 de Março de 2008

Não resisti...

... a notificar o pessoal do dia fantástico que hoje se comemora.

 

Dia Internacional da Mulher

 

 

Se bem que termos apenas um dia em nossa honra, quando todos os outros parecem ser ridiculamente dedicados aos homens e às suas tão brilhantes conclusões do destino a dar ao mundo que supostamente dominam, rebaixa esta tão fantástica condição que é ser Mulher.

 

Infelizmente, ainda há por aí muita gente que se refere abertamente às mulheres como o "sexo fraco", apesar de todas as nossas diligências para provar que somos, em muita coisa, bem superiores a esse estereótipo. E não me refiro apenas a força física, mas a força a todos os níveis.

 

 

É com muito orgulho que me reconheço pertencente a esta comunidade feminina, geradora de vida, de futuro, de esperança. A todas as mulheres do mundo: que mantenham sempre a sua força, face a todos os obstáculos que a vida parece impor. As maiores felicidades para todas. 

 

E os meus parabéns pelo simples facto de terem nascido mulheres.     

sinto-me: MULHER!
Segunda-feira, 11 de Fevereiro de 2008

O Mundo de hoje e d'agora: uma inexperiente visão

Estava eu tranquila numas horinhas de descanso e lembrei-me de visitar o SAPO para consultar as notícias do dia. Embora já as tivesse visto no jornal. (Esta parte foi para surpreender a aniversariante de hoje!).

 

E desiludi-me. Como, aliás, tenho vindo a desiludir sempre que me dá na gana ver as notícias do princípio ao fim. É mortes práqui, atentados práli, julgamentos duvidosos de um lado, raptos, jovens delinquentes e crises do outro, raramente me surpreendo com uma notícia boa, o mundo está virado do avesso e assusta-me pensar que é a minha geração que o vai herdar daqui a uns anos. Sei lá lidar ou tratar de algo que me é deixado em estado decadente, que só não cai aos bocados porque uma quantidade exorbitante de forças inimagináveis mantém tudo no sítio! 

Se eu fosse mãe, hoje em dia, ver-me-ia grega para dizer a um filho meu: "olha, querido, um dia mais tarde, este mundo vai pertencer a meninos como tu, mas vais ter de te acautelar contra todos os males que a minha geração provocou, seja consciente, seja inconscientemente, está bem? Desculpa lá. Mas por agora, come a sopa toda, sim?"... 

  

  A notícia que despoletou toda esta minha irritação foi a dos atentados em Timor. Não que não haja por aí coisas possivelmente piores, mas esta notícia, em particular, deixou-me possessa. Não faço ideia do que se passa em Timor que leve alguém a tentar matar outro alguém, mas a única convicção que tenho nisto tudo é que não há razão que justifique matar alguém, que não em defesa própria imediata. Atentar contra a vida de alguém é tão contra-natura e, ao mesmo tempo, hoje em dia, algo de tão trivial, que as pessoas que formam este mundo chegaram ao ponto de me enojar.

 

Se bem que não esteja a julgar ninguém. Apenas observo algo que me custa compreender, como jovem inexperiente do mundo moderno.   

sinto-me: confusa e possessa
Quinta-feira, 3 de Janeiro de 2008

Errata descomunal

Caramba!! Como pude fazer isto??

É evidente que o post anterior possui um erro descomunal! Na realidade, existem muitas pessoas maravilhosas que metem conversa comigo, e conversas booas!

Olhem, é exemplo a minha priminha linda, coisa mai' linda do meu coração, gosto tanto daquela miúda que nem vos passa pela cabeça, é a melhor prima do mundo!

Outro exemplo é a Sarinha, ela ta sempre a meter conversa, também, a santa da rapariga!! E tem paciência pra mim! (e eu pra ela! xD muahaha)

E a minha Lady Bird! Quando ela está por cá, também fala sempre comigo, essa minha patruska do coração! Ai que saudade gigante tenho dela!

E a Clarisse também, quando não está muito ocupada (ou quando não dá muito trabalho xD) e a Carlinha...

A todos um beijinho! E obrigada por meterem conversa comigo! he he

BOM ANO NOVO

sinto-me: bem!
Segunda-feira, 24 de Dezembro de 2007

Informação realmente importante à comunidade...

...ESTOU DE FÉRIAS! Oficial, total, completa, louca, fanática, histérica, teórica, prática, sensacional e finalmente de férias!!!! Qualquer trabalho, estudo, disciplina.... pode esperar pelo próximo semestre. Qualquer problema, tristeza, dificuldade.... pode esperar pelo próximo semestre. Qualquer dúvida, medo, receio ou dor.... pode esperar pelo próximo semestre.

Em termos de faculdade, já não tou pra ninguém. Em termos de trabalhos e dúvidas relativas a notas ou se o olhar da stora de bioestatística é assim tão profundo. Pra nada.

Estou pra conversas interessantes. Isso, sim. Conversas, risotas, tudo de interessante. Se bem que agora já quase ninguém mete conversa comigo... só a Bete e o <1973>. Mas vá lá que são boas conversas. E isso, para mim, chega.

Um beijinho aos dois.

Aproveitem as férias. Vocês merecem.   

sinto-me: musical e de férias!
música: The Dears - 22 The death of all romance

Feliz Natal everyone!

 

É uma música bonita. Acho eu. E está muito bem cantada. Lindas vozes angelicais.

A todos um Santo e Feliz Natal.

sinto-me: musical!
música: Christmas Canon (Trans-Siberian Orchestra)
palavreado por Palavreadora às 14:57

link do post | comenta palavreando | adicionar aos tesouros
Quarta-feira, 12 de Dezembro de 2007

Caloirices e cansaço a redobrar!

A vida não está fácil. Não está, não senhor. E, falando numa vertente mais egocêntrica, a minha, pessoalmente, não está especialmente fácil nesta altura. Digamos que me falta tempo, até, para me coçar.

E pensam vocês "Ah, e tal, vem esta gaja dizer que não tem tempo" (esta moça, tá? moça, moçoila, rapariga, miúda, qualquer coisa, mas gaja, não, que há termos em calão que são reservados a grupos restritos de pessoal autorizado!) "vem esta moçoila dizer que não tem tempo, mas tá p'r'áqui a escrever, pra isso já tem a gaj... a moçoila tempo, isto lógica não há nenhuma e preguiça, dessa há muita". É verdade. Mas também é verdade que com a quantidade de trabalho exorbitante que tenho tido, ter um descansozito de quando em vez para actualizar o meu (muito visitado) blog [ou não! xD], não faz mal a ninguém.

Digo eu, de testes de anatomia à porta.

Vou fazer-me à vida, que ninguém a vai viver por mim.

 

Deixo aqui a lembrança: visitem a história da Ann que está a ter dos seus desenvolvimentos. Embora não muitos, que pra mais não dá o tempo.

Apreciem!

Fiquem bem!

sinto-me: cansada
música: i'm seventeen, going on eighteen
Terça-feira, 11 de Setembro de 2007

11 de Setembro - Uma Memória

 

Julgo ser justo escrever em memória de todos aqueles que, há seis anos atrás, perderam a vida em nome de ganâncias, crueldades e todo um sem-fim de sentimentos retrógrados que o Homem ainda é capaz de sentir.

Escrevo em memória das famílias dos que morreram neste dia, porque, provavelmente, julgaram a sua própria vida acabada também, essencialmente pela incompreensão associada ao facto de ninguém imaginar que o Homem era capaz de actos assim.

 

Escrevo em memória das vidas que essas pessoas tinham e das vidas que nunca chegarão a ter, dos filhos que ficaram por nascer, dos sorrisos que ficaram por sorrir e sim! - porque não? - das lágrimas que poderiam ter corrido. Esrevo em memória de todos esses sentimentos que ainda fazem do Homem um Ser - Amor, Alegria, Amizade...

Escrevo em memória da tristeza que é sentir que, após um acto destes, nunca o mundo poderá ser o que era. 

Escrevo em memória do que o mundo foi.

sinto-me: triste com a memória
PaLaVriNhAs: ,

§ mAis sObRe Mim

§ PeSquIsAr um PaLaVrEaDo

 

§ Outubro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28
29
30
31

§ PalAvReAdOs

§ Turismo do mais curioso

§ Não resisti...

§ O Mundo de hoje e d'agora...

§ Errata descomunal

§ Informação realmente impo...

§ Feliz Natal everyone!

§ Caloirices e cansaço a re...

§ 11 de Setembro - Uma Memó...

§ OuTrOs PaLaVrEaDoS

§ Outubro 2008

§ Setembro 2008

§ Agosto 2008

§ Julho 2008

§ Junho 2008

§ Maio 2008

§ Abril 2008

§ Março 2008

§ Fevereiro 2008

§ Janeiro 2008

§ Dezembro 2007

§ Novembro 2007

§ Outubro 2007

§ Setembro 2007

§ Agosto 2007

§ Julho 2007

§ Junho 2007

§ Maio 2007

§ Março 2007

§ Fevereiro 2007

§ Janeiro 2007

§ Dezembro 2006

§ Novembro 2006

§ PaLaVriNhAs

§ todas as tags

§ CaiXinHa dos TeSouRos

§ Sentir os sentimentos por...

§ Uma pitada de poesia...

§ A poesia do velho

§ Uma caixinha dos tesouros...

§ Palavreados aleatórios II...

§ Conclusão inegável

§ Palavreados aleatórios - ...

§ Palavreados aleatórios II...

§ AdMiReM OuTraS ObRaS

click to comment

§ que horas são isto?

badge

§ quantos viveram por aqui

blogs SAPO

§ subscrever feeds