Sexta-feira, 2 de Março de 2007

Amor não correspondido

Bem, peço, desde já, imensa desculpa às pessoas que, de alguma forma, saiam lesadas por este post, mas eu tinha mesmo de referir...

Tinha, eu tinha de referir um certo gerente e uma certa menina... não, não revelo as identidades... é apenas uma linda história de amor não correspondido!

Visualizem a questão deste prisma:

Um rapaz trabalhador, empenhado, interessado... depara-se um dia, com uns belos olhos de mulher que o arrancam da realidade e o transportam directamente para o mais belo dos sonhos! Sente-se abalado, pois não sabia que existia um mundo para além do dele... mas os olhos dela parecem oferecer-lhe um mundo gigante, uma alma, um fogo de amor, de paixão, de vida!

Mas tudo não passa de um instante! De todas as vezes que ele tem a oportunidade de relancear o olhar sobre o fulgor da sua existência, ela afasta-se, decidida. Ela olha-o, mas não o vê...

Um amor não correspondido! Um romance inacabado para uma vida incompleta! Tudo por causa de uns olhos que hipnotizaram pela beleza...

O mundo e a vida são tão bonitos, não são??

P.S.: àquela menina, uma palavrinha: isto é só um textinho profundo que me apeteceu escrever... Sabes que é porque gosto muito de ti e és uma Amiga com um A muito maiúsculo! Basicamente, obrigada por seres um autêntico anjinho da guarda e uma mais-valia para toda a humanidade, quanto mais não seja pelo encanto que exalas com o teu olhar

***Um beijinho!***

palavreado por Palavreadora às 19:54

link do post | comenta palavreando | adicionar aos tesouros
5 comentários:
De menina mistério a 3 de Março de 2007 às 18:52
Eu sempre soube que os meus olhos eram irresistíveis ;-)
São tão especiais que nem todos têm o privilegio de os poder admirar eternamente!
O rapaz trabalhador e interessado vai ter de procurar uns olhos com o mesmo poder, mas quer-me parecer que se vai revelar uma tarefa bastante complicada, cause I'm unique! Good luck boy!
De Ana a 12 de Março de 2007 às 22:54
Deixa que te diga menina mistério que tu de convencida não tens mesmo nada!
Que tal um pouco mais de modéstia? Esse ego deve estar a precisar que lhe apontem uns insultos!
Ah e já agora! a fazeres-te de esquisita vais mas é ficar alone for ever and ever !
De Lady Bird 333 a 11 de Março de 2007 às 18:43
A vida é bela!!!

Mesmo!

pode ser triste ou feliz, mas isso são as fases da vida, ás vezes tristes ás vezes feliz. Faz parte!

Adoro-te muito.

(o que eu sofro por amor não correspondido, mas será que alguém sofre de amor não correspondido por mim? E com isto espreito por cima do meu ombro!)

Muitos beijos!!******
De Andre a 21 de Março de 2008 às 17:34
amor verdadeiro,amor verdadeiro.. e pke nao falam do amor nao correspondido,ke é o pior de tdos..ke é o equivalente a tentar voar kom uma das asas rompidas.. e eu sendo mto nvo,vou completar 18 anos neste ano ke vem..sei bem o ke é um amor nao correspondido..sei bem o ke é andar a escrever cartas de amor e poemas e rosas ke depois caem em sako roto.. ja soube bem o k era andar a faser apostas por miudas pa deps km a conteceu uam vez,fikar quase km o osso da perna á mostra..fokem-se mais nesse tipo d amor ke eu disse..
De Palavreadora a 21 de Março de 2008 às 17:46
obrigada pelo teu comentário. não desesperes, ainda és tão novo, não esperes que a pessoa com quem poderias passar a vida inteira apareça agora.

fica bem e volta sempre!!!
**

comenta palavreando

§ mAis sObRe Mim

§ PeSquIsAr um PaLaVrEaDo

 

§ Outubro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28
29
30
31

§ PalAvReAdOs

§ Tá na horinha de dar umas...

§ Xii, tou feita!

§ O achado que inspirou um ...

§ Pá, não há quem entenda.....

§ Pá, já não há quem entend...

§ Curiosidades turísticas e...

§ Problema resolvido...?!

§ Instintos Matadores de Co...

§ Ainda na onda de quem est...

§ Pró que me dá, às vezes.....

§ Língua de "Perguntadora"

§ A moda e a beleza e o amo...

§ Verão com "cheirinho"... ...

§ Despedida das férias de V...

§ No que pensamos quando te...

§ Novidades ao estilo do ve...

§ Como arranjar bons filmes...

§ Infantilidades à parte...

§ Pah, não entendo...

§ ... e já que estou com a ...

§ Olhó que a saudade trouxe...

§ Profissão: Santo Escritor...

§ Sentir os sentimentos por...

§ O achado que inspirou um ...

§ Turismo do mais curioso

§ Telepatia Virtual

§ A sorte que não calha a t...

§ Tentativas (quase) frustr...

§ Um olhar para o futuro...

§ Fanatismos

§ Enquanto o trabalho ocupa...

§ Quem disse que o Anjo da ...

§ Outra história, e coisa e...

§ No meio da poeira do temp...

§ Palavreados Aleatórios V ...

§ Adrenalina... muita adren...

§ Palavreados aleatórios IV...

§ Outras ondas!... IV

§ Sintam-se a dançar... eu ...

§ Isto é que é ler as entre...

§ Um pouco de jazz "sentime...

§ Uma caixinha dos tesouros...

§ E as coisas simples (ou n...

§ Palavreados aleatórios II...

§ Um calmante, ou dois...

§ Como nos tornarmos uns bl...

§ Vamos lá esclarecer uma c...

§ Quando [não] se ama algué...

§ Quatro simples dicas...

§ Não resisti...

§ OuTrOs PaLaVrEaDoS

§ Outubro 2008

§ Setembro 2008

§ Agosto 2008

§ Julho 2008

§ Junho 2008

§ Maio 2008

§ Abril 2008

§ Março 2008

§ Fevereiro 2008

§ Janeiro 2008

§ Dezembro 2007

§ Novembro 2007

§ Outubro 2007

§ Setembro 2007

§ Agosto 2007

§ Julho 2007

§ Junho 2007

§ Maio 2007

§ Março 2007

§ Fevereiro 2007

§ Janeiro 2007

§ Dezembro 2006

§ Novembro 2006

§ PaLaVriNhAs

§ todas as tags

§ CaiXinHa dos TeSouRos

§ Sentir os sentimentos por...

§ Uma pitada de poesia...

§ A poesia do velho

§ Uma caixinha dos tesouros...

§ Palavreados aleatórios II...

§ Conclusão inegável

§ Palavreados aleatórios - ...

§ Palavreados aleatórios II...

§ AdMiReM OuTraS ObRaS

click to comment

§ que horas são isto?

badge

§ quantos viveram por aqui

blogs SAPO

§ subscrever feeds